Roadmap io.js

Documento vivo: Última edição em 26 de fevereiro de 2015.

Translations

O Futuro Brilhante do io.js

Um Roadmap Guiado pela Comunidade

Para a comunidade, pela comunidade

O io.js é um substituto imperceptível para o node.js e é compatível com praticamente todos os módulos no npm.

O io.js é um projeto open source guiado pela comunidade. Ele começou através dos principais contribuidores do node.js, mas nos primeiros meses já atraiu mais desenvolvedores ativos que o projeto node.js teve em toda a sua história.

O que as pessoas querem do io.js?

  1. Estabilidade
  2. Transparência (Debug e Tracing)
  3. Melhores Streams
  4. Suporte de Longo Prazo
  5. Abraçar padrões em desenvolvimento
  6. Localização

Lista de preocupações compilada do projeto roadmap. Contribuidores bem vindos!

Política de Estabilidade

Nós temos o maior ecossistema de pacotes de qualquer linguagem, não podemos perder isso.

Da seção Política de Estabilidade do Roadmap. Contribuidores bem vindos!

Canais

Release Qualquer build versionado.
Deve ser estável e pronto para produção.
Canary Builds diários com o V8 Canary & outras novas funcionalidades.
NG API voltada para ES6/7 Next Generation (Próxima Geração).


Do Roadmap. Contribuidores bem vindos!

NG (Next Generation)


Discussões NG estão ocorrendo no repositório NG.

Depuração & Rastreamento

O núcleo deve permitir um grande e diversificado ecossistema de ferramentas de depuração e rastreamento ao invés de endossar abstrações de alto nível como domains.

Trabalho liderado pelo Tracing Working Group. Contribuidores bem vindos!

Streams

Trabalho liderado pelo Streams Working Group. Contribuidores bem vindos!

Suporte de Longo Prazo


Sumário da Política de Estabilidade. Contribuidores bem vindos!

Localização

Você pode se envolver entrando na comunidade do seu idioma :)

Envolva-se!

Núcleo Ecossistema Comunidade
Código iojs/io.js rvagg/nan iojs/website
Evangelismo Roadmap NodeSchool iojs Evangelism WG
i18n ICU ferramentas de documentação entre numa comunidade
de um idioma

Faça um fork no Github